Política e informações da região com credibilidade

Hospital Dom Joaquim inaugura PA em Ortopedia e projeta Pediatria

15.07.2019

 O Hospital Dom Joaquim de Sombrio passa a oferecer mais um importante serviço a partir desta segunda-feira: O Pronto Atendimento em Ortopedia. Todos os dias haverá um médico ortopedista no hospital, das 7 às 19 horas, com escala de sobreaviso à noite. O atendimento será para particulares, convênios e pacientes encaminhados pelas secretarias de saúde dos municípios que possuem convênio com o hospital: Sombrio, Santa Rosa do Sul e Balneário Gaivota. O vice-presidente do Instituto Maria Schmitt, Ricardo Ghelere, lembrou que o hospital está virando a página após a chegada do IMAS em 2018. “Quero agradecer aos funcionários, a prefeitura que está sendo parceira e a comunidade que abraçou a nossa causa. Todos são responsáveis por esta melhora”, comentou. Ricardo comentou que além das consultas, o hospital prestará um serviço completo com Raio-X, sala de gesso e fisioterapia. Além disso, projetou para em breve a disponibilidade de atendimento pediátrico, exames de tomografia e a instalação de leitos de UTI.

 

Caminho árduo

 

Feliz com a conquista, a vice-prefeita Gislaine Cunha (PL) lembrou da trajetória difícil até esse momento positivo do hospital. “Trilhamos um caminho árduo para chegarmos até aqui. Enfrentamos obstáculos, mas não desistimos. É um serviço que não existe na região”, comentou. O prefeito Zênio Cardoso (MDB) seguiu o discurso. “Encontramos muitas dificuldade, mas sempre batalhamos para manter o hospital aberto porque reabri-lo seria muito mais difícil. Felizmente encontramos no Instituto Maria Schmitt, que demonstrou seriedade e, em virtude disso, a comunidade passou também a ajudar mais o hospital”, completou.

 

Sobre o atendimento

 

O IMAS está tentando a contratualização junto ao Governo do Estado para que possa atender também, via setor de emergência, os pacientes em ortopedia. Outra linha de ação é conseguir recursos, através do seguro DPVAT para os casos oriundos de acidente. Assim, os pacientes nada pagariam pelo atendimento. Enquanto isso, os municípios poderão encaminhar via SUS, através das secretarias de saúde, cerca de 20 pacientes por dia para consultas. Convênios e particulares também serão atendidos pelo Pronto Atendimento.

Please reload

camara gaivota.gif
Selaria_Koski_cópia.gif

Comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site.

Jarbas Vieira 2016
Todos os direitos reservados
Comercial: (48) 3533-3192 / (48) 99966-5326