Política e informações da região com credibilidade
  • Jarbas Vieira

Projeto de Peri sobre doação das sobras volta a causar polêmica na Câmara!


A Câmara de Vereadores de Sombrio teve mais uma sessão agitada na noite de segunda-feira (07). O motivo foi a discussão em torno do projeto do vereador José Eraldo Soares, o Peri (PP), que visa doar uma parte das sobras financeiras do exercício anual do Poder Legislativo ao Lar do Idoso e a Apae de Sombrio.

O presidente da Apae, Lucas Debus, usou a tribuna para defender a necessidade do novo aporte, que no caso da Apae seria um adicional, uma vez que a entidade possui um convênio mensal com a prefeitura. Já para o Lar do Idoso, o recurso seria de fundamental importância, devido a grave crise financeira enfrentada pela instituição. Hoje, por problemas burocráticos não há convênio entre o Lar e a Prefeitura. A situação, segundo Lucas, deve ser resolvida em 30 dias.

O projeto de Peri acabou não sendo votado, por conta de possuir parecer contrário das comissões, que seguiram orientação da assessoria jurídica da Casa. Pela Lei, as sobras do Legislativo devem ser devolvidas ao Executivo no final do ano. Entretanto, a tendência é que seja votado na próxima semana. Para Peri, a Assembleia Legislativa já faz algo semelhante, quando destina uma parte das sobras ao Fundo da Saúde. Por isso, alguns vereadores têm o entendimento de que a matéria deve ser aprovada e, se vetada pelo prefeito, ter o veto derrubado.

O presidente da Casa, Adenir Duarte, o Janga (MDB), acredita que a aprovação não seja o melhor caminho, por ferir a legislação vigente. Entretanto, se comprometeu em se reunir com o prefeito Zênio Cardoso (MDB) e obter dele o compromisso de repassar 30% das sobras para serem divididas entre Apae e Lar do Idoso. Mesmo após o término da sessão, o assunto continuou rendendo entre os vereadores e representantes das instituições.


Jarbas Vieira 2016
Todos os direitos reservados
Comercial: (48) 3533-3192 / (48) 99966-5326