foto_site_menor_cópia.gif
Política e informações da região com credibilidade
  • Jarbas Vieira

Epagri incentiva produção orgânica de banana em Sombrio e Ermo


No sentido de incentivar a produção orgânica na bananicultura, uma série de ações da Epagri vem acontecendo em Sombrio, município da região de Araranguá. Dentre estas ações estão oficina sobre Certificação Participativa e Auditada, reuniões sobre cooperativismo e rastreabilidade, além de orientações sobre a produção mais sustentável na bananicultura. Atualmente, a área produtora de banana orgânica com certificação, em Sombrio, é de apenas 3 hectares. No município de Ermo, a área de bananais com certificação auditada é de 15,5 hectares. Contando com o acompanhamento técnico da Extensionista da Epagri local Glaura Mendes Perufo, os frutos dessa área são de excelente qualidade e ótima produtividade. Visando otimizar as ações de capacitação e o fortalecimento do grupo, assim como troca de experiências, as extensionistas da Epagri dos dois municípios propuseram a união dos agricultores. Apesar de pequena área produtora de banana certificada, Sombrio conta com 80 ha de bananais em estágio de transição, do sistema de produção convencional para o sistema orgânico. Em 2019, essas áreas de produção receberão a certificação de produto orgânico por meio da certificação participativa. “Este período de mudança é um momento muito difícil para os agricultores, mas a fruta produzida em Sombrio também está mantendo uma ótima qualidade.” disse Mirielle de Oliveira Almeida, extensionista do escritório municipal de Sombrio.

Viagens técnicas

Dando continuidade a estas ações, as extensionistas dos municípios organizaram uma excursão para o norte do estado nos dias 5 e 6 de setembro. No primeiro dia foi feita uma visita à Unidade de Referência Técnica em Corupá. Nessa propriedade modelo, o extensionista da Epagri George Livramento apresentou o trabalho desenvolvido ao longo dos anos, com uma abordagem prática de produção de banana de maneira sustentável. Em seguida, o grupo visitou a Cooper Rio Novo. No segundo dia de excursão, foi feita a visitação à Cooperban em Massaranduba e à Estação Experimental da Epagri de Itajaí. Além da parte produtiva foram abordadas as experiências das cooperativas de agricultores familiares, novas cultivares, produção de mudas de qualidade e manejo orgânico do moleque-da-bananeira, praga chave da cultura. A recepção do grupo envolveu equipe formada por agricultores familiares, gerência regional de Joinville, técnicos e pesquisadores da Epagri que compartilharam generosamente suas vivências. No último dia 6 de novembro, os escritórios da Epagri de Ermo e Sombrio, com o apoio da prefeitura municipal de Ermo realizaram uma viagem técnica para o CEASA de São José/SC. A viagem teve como objetivo articular a comercialização da banana orgânica produzida pelo grupo. A instituição foi apresentada aos agricultores pelo engenheiro-agrônomo André de Medeiros, que na ocasião conversou sobre o volume de comercialização anual de banana, épocas de maiores ofertas e demandas, regras de comercialização no CEASA e rastreabilidade dos produtos agrícolas.


Sombrio saneamento
Sombrio saneamento

press to zoom
Fabrica de Sonhos
Fabrica de Sonhos

press to zoom
construshop.jpg
construshop.jpg

press to zoom
Sombrio saneamento
Sombrio saneamento

press to zoom
1/3
Ortobom
Ortobom

press to zoom
Fazae
Fazae

press to zoom
Ortobom
Ortobom

press to zoom
1/2
WhatsApp Image 2022-12-01 at 10.41.47.jpeg