Política e informações da região com credibilidade
  • Jarbas Vieira

TRE mantém cassação de registro de Cabo Loro, em Araranguá!


Em decisão unânime, o Tribunal Regional Eleitoral manteve a sentença de primeiro grau, que havia cassado o registro de candidatura do vereador, reeleito de Araranguá, Lourival João, o Cabo Loro (PSD). O julgamento do pleno ocorreu na tarde de ontem, sendo relatado pelo desembargador Antônio do Rêgo Monteiro Rocha. Já a defesa do vereador foi feita pelo advogado Giancarlo Soares. A acusação foi de captação ilícita de sufrágio, onde Cabo Loro foi pego em flagrante pagando exame médico de uma cidadã araranguaense. No voto, o relator disse que o pagamento de um exame em época de eleição, tem o mesmo peso de que a entrega de uma cesta básica, já que são duas das principais necessidades do ser humano: saúde e alimentação. O relator também citou que Cabo Loro é um político experiente e que deveria saber que tal conduta é vedada e que não é necessário que se confirme o voto para que o crime esteja configurado. Com a decisão do TRE, Cabo Loro não deve conseguir ser diplomado. Ele ainda pode recorrer ao TSE, porém, suas chances em última instância são bastante pequenas. Com isso, o suplente Adão dos Santos Vieira, o Vidrinho (PR), deve ser efetivado como parlamentar.


Jarbas Vieira 2016
Todos os direitos reservados
Comercial: (48) 3533-3192 / (48) 99966-5326