Política e informações da região com credibilidade
  • Jarbas Vieira

PT afirma que “mais votados compraram votos” e que terá postura independente!


Poucos dias após a eleição, dá para perceber a “solidez” da parceria entre PP e PT de Sombrio, integrantes da coligação “Sombrio para as Pessoas”. Assim que se confirmou o resultado do pleito, com a reeleição do vereador Professor Marcello (PT), o Partido dos Trabalhadores emitiu uma nota, compartilhada pelo policial aposentado, Edmilson Colares, uma das lideranças da sigla, na qual afirma que os mais votados compraram votos, sendo presos pela justiça eleitoral. O interessante é que os candidatos mais votados que Marcello foram justamente os quatro vereadores do PP. No final do texto, que republico abaixo e está a disposição nesse endereço (https://pt-sombrio-sc.blogspot.com.br/2016/10/reeleicao-garante-manutencao-da-cadeira.html?spref=fb) o partido garante que não participará dos blocos de situação, ou, de oposição, e que estará compromissado com as reivindicações da sociedade.

Reeleição garante a Manutenção da Cadeira no Legislativo.

“Apesar de todo o contexto de negativo gerado pelo judiciário e divulgado na imprensa nacional, com a finalidade de denegrir a imagem dos candidatos, tanto na Majoritária, quanto na proporcional, com as prisões efetuadas na semana que antecedeu as eleições municipais de 2016, O Vereador Marcello Areão, travou uma luta ferrenha diuturnamente, para assegurar sua cadeira na Câmara Municipal de Vereadores de Sombrio, o qual conseguiu com 737 votos. Enquanto os primeiro mais votados, ou seus cabos eleitorais, eram flagrados comprando votos e em consequência disso presos pela justiça eleitoral, Compra que realmente se comprovou nas urnas, sendo esses candidatos os mais votados. Nosso candidato, Marcello Areão, apenas acompanhava o pleito. Segundo a cúpula do Partido dos Trabalhadores, a conjuntura de trabalho do Vereador Marcello, será reavaliada pelo diretório, As ações e a participação dentro da câmara municipal de vereadores será bem diferente da atuação do mandato passado. "Vamos reavaliar o novo contexto e fazer uma política mais independente de oposição e situação. Nossa política será guiada pelo jeito petista de legislar, sem compromissos coma essa ou aquela coligação, de agora em diante nosso compromisso será com as revindicações legitimamente da sociedade". (Conclui os principais lideres do partido).


Jarbas Vieira 2016
Todos os direitos reservados
Comercial: (48) 3533-3192 / (48) 99966-5326